5 sinais de que você está sendo consumista

5 sinais de que você está sendo consumista

Você tem Oniomania? Não, isso não é um palavrão. Oniomania é um Transtorno do Controle do Impulso. Entenda e faça o teste para confirmar seu nível de consumista.

Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), Oniomania é a “a característica essencial é a falha em resistir a um impulso, instinto, ou desejo de realizar um ato que é prejudicial ao indivíduo ou outras pessoas”. Ou seja, é um vício e, neste caso, é em comprar.

O vício de muitos brasileiros pelas compras é real e a tecnologia só nos ajuda a comprovar: os consumidores brasileiros realizaram 111,2 milhões de compras online em 2017. E, segundo a Ebit, a estimativa é que tenha um aumento de 12% em 2018.

Está cada vez mais normal fazermos compras compulsivamente, ou seja, sem planejar ou sem realmente tem a necessidade daquele item.

Um consumidor consumista possui as seguintes características:

• Preocupação excessiva e perda de controle sobre o ato de comprar;

• Aumento progressivo do volume de compras;

• Tentativas frustradas de reduzir ou controlar as compras;

• Comprar para lidar com a angústia, ou outra emoção negativa;

• Mentiras para encobrir o descontrole com compras;

• Prejuízos nos âmbitos social, profissional e familiar;

Problemas financeiros causados por compras.

Mas não se assuste, pois de acordo os profissionais do PRO-AMITI – Ambulatório Integrado dos Transtornos do Impulso, isso tem tratamento. Um consumista pode:

• Fazer acompanhamento médico psiquiátrico

• Procurar grupo de apoio na abordagem cognitivo-comportamental e grupo de apoio motivacional

• Procurar auxílio à organização das finanças pessoais e das dívidas

• E também fazer parte de um grupo de manutenção para os pacientes após o término da terapia de apoio

• Além do acompanhamento familiar, que é essencial

Alguns sinais de que você é consumista

Consumista nas compras

1. Tem pensamento fixo nas compras

Você precisa se concentrar em uma tarefa no trabalho ou em uma conversa com um familiar, mas só consegue pensar naquele item que quer comprar.

Sem mais nem menos, o assunto surge na conversa, trazido à tona por você. A hora parece se arrastar até que você consiga finalmente se livrar de tudo e ir até a loja onde o produto está esperando para ser levado.

2. Tem dívidas maiores do que a renda mensal

O correto, economicamente falando, é sempre gastarmos menos do que ganhamos. Mas se sua renda já está comprometida antes mesmo de você receber o seu salário, isso é sinal de que algo anda mal.

Muitas vezes, são itens desnecessários e supérfluos, que serão pouco ou nada usados no cotidiano, e que provocam grandes danos à sua saúde financeira.

3. Vai às compras sozinho

Geralmente quem os consumistas se comportam desta forma para não serem repreendidos, pois sabe que não resistirá aos impulsos, não vai pesquisar preços e nem comprar coisas que realmente deseja, mas sim vai comprar para satisfazer um prazer.

Quando isso começa a afetar suas relações porque as pessoas percebem que você está se prejudicando para saciar esse desejo irracional de consumo, já passou da hora de procurar ajuda.

4. Gasta mais do que o planejado

Sempre dizemos o quão importante é ter uma planilha de gastos e também orientamos a traçar metas. Quando isso tudo vira ficção e você passa a gastar mais do que o planejado e mente para a tabela, algo não está certo.

5. Pede dinheiro emprestado

O consumista está frequentemente pedido dinheiro emprestado para satisfazer o prazer de comprar. Os resultados para essa situação são dois: o endividamento e o prejuízo nas relações.

Quando não consegue pagar, passa a não ser visto como uma pessoa de confiança e isso pode levar ao afastamento de pessoas próximas. Isso pode aumentar a ansiedade e você passar a gastar mais e, então, vira uma bola de neve.

Dicas práticas para diminuir o consumismo

• Diminua seu limite no cartão de crédito (limites elásticos são ótimos para que percamos o controle);

• Prefira pagar suas compras no dinheiro (e se você está sem dinheiro, não compre);

• No momento da compra, se force a responder a pergunta: “preciso realmente disso que estou comprando?” Em caso negativo, desista imediatamente da compra;

• Anote tudo o que você compra diariamente (e não deixe nada para depois, para não correr o risco de esquecer);

• Antes de ir ao supermercado, faça uma lista do que está faltando na despensa — e compre só o que estiver na lista;

• Não faça passeios no shopping ou em centros comerciais. Vá passear em parques, ao ar livre, no museu, na casa de amigos;

• Estabeleça uma cota diária de gastos. Nos fins de semanas, permita-se um pouco mais. Em dias de semana, menos;

Faça o teste para saber se você é consumista

Este quiz foi desenvolvido pelo Dr. Hermano Tavares e a psicóloga Tatiana Filomensky, do Programa Ambulatorial dos Transtornos do Impulso do Instituto de Psiquiatria do Hospital das Clínicas.

1 – Compro rápido sem pensar duas vezes.

A – Com certeza sim

B – Talvez sim

C – Talvez não

D – Com certeza não

2 – Uma das razões para eu comprar é me sentir pressionado pelo vendedor, ou pela situação.

A – Com certeza sim

B – Talvez sim

C – Talvez não

D – Com certeza não

3 – Avalio os produtos disponíveis e escolho aquele que me serve melhor

A – Com certeza sim

B – Talvez sim

C – Talvez não

D – Com certeza não

4 – Compro exatamente o que estava precisando sem exageros.

A – Com certeza sim

B – Talvez sim

C – Talvez não

D – Com certeza não

5 – Faço compra quando me sinto triste, inseguro, ou sozinho e senti que precisava me distrair.

A – Com certeza sim

B – Talvez sim

C – Talvez não

D – Com certeza não

6 – Depois que saio da loja, penso que não deveria ter comprado.

A – Com certeza sim

B – Talvez sim

C – Talvez não

D – Com certeza não

7 – Depois que comprei vejo que realmente precisava das coisas que comprei e sei que elas serão muito úteis.

A – Com certeza sim

B – Talvez sim

C – Talvez não

D – Com certeza não

8 – Sei que o uso dessa compra me trará satisfação por bastante tempo.

A – Com certeza sim

B – Talvez sim

C – Talvez não

D – Com certeza não

RESULTADO:

Questões 1, 2, 5, 6

A = 0 // B = 1 // C = 2 // D = 3

Questões 3, 4, 7, 8

A = 3 // B = 2 // C = 1 // D = 0

– 0 – 8: você não conseguiu se controlar, foi uma compra compulsiva

– 9 – 16: o controle foi parcial, pode ter sido uma compra compulsiva

– 17 – 24: você se controlou a maior parte do tempo durante esta compra

E aí, qual é seu nível de consumista? Comente o resultado do seu teste!

Não esqueça: CLIQUE AQUI para conhecer o Programa Mente Rica!

Você também pode gostar

Deixe um comentário