Por Eduardo Moreira 8 de janeiro de 2020

Bill Gates provou ser uma espécie rara: bilionário e inteligente!

Quase todos bilionários ou são pouquíssimo inteligentes ou são extremamente cruéis. Bill Gates provou ser uma espécie rara, não se encaixando em nenhum dos dois grupos. E denunciou uma das maiores injustiças que existe no nosso modelo econômico!

Sendo um homem bilionário, Bill Gates tem plena consciência de que sua riqueza não foi gerada através do seu salário. E á fácil de entender essa informação porque sabemos que a riqueza é fruto do trabalho.

Sendo assim, só existem duas possibilidades de ter acesso a riqueza: trabalhar para gerar riqueza, ou ter pessoas que trabalham para gerar essa riqueza para você.

Um bilionário sabe que com certeza não gerou toda a riqueza que tem, ou seja, precisou do trabalho de outras pessoas. E o que o próprio Bill Gates disse é que a maioria dessas pessoas passam por dificuldades enquanto trabalham para gerar riqueza para poucas pessoas.

É preciso mudar a distribuição de riqueza para que tenhamos um sociedade mais justa e acabar com a pobreza extrema.

Mas enquanto os outros bilionários não têm esse entendimento claro como Bill Gates e não usam suas riquezas em busca de uma sociedade mais justa, você deve procurar recursos para valorizar a riqueza gerada pelo seu trabalho.

Se seu objetivo é investir e ter retorno considerável tenho um convite para você!

É importante sempre tirarmos as melhores lições do mercado financeiro para nossa vida. E nada mais oportuno do que trazer algumas dessas lições para esse momento de início de ano, onde as pessoas buscam uma nova energia.

No dia 1 de março (domingo) às 20h faremos uma apresentação Online e GRATUITA com as expectativas para os Investimentos em 2020.

É sua chance de saber o que evitar e como aproveitar os melhores investimentos para construção de riqueza nesse novo ano. 

Garanta agora sua vaga CLICANDO AQUI!

Forte abraço,

Equipe Edu Moreira

🔴 Curta também as redes sociais! 📷Instagram / 👍Facebook / 🎥 YouTube

Você também pode gostar

Deixe um comentário