Por Eduardo Moreira 14 de janeiro de 2020

O governo Bolsonaro reduziu a criminalidade? Entrevista com Luiz Eduardo Soares

Uma das grandes bandeiras levantadas pelo atual governo é sobre a redução do crime. Mas será que o governo Bolsonaro reduziu a criminalidade?

O que está sendo apresentado é que o governo Bolsonaro reduziu a criminalidade do país graças à  política mais agressiva, autoritária e de embate. Ou seja, alegam que esta política de combate já está rendendo frutos positivos que já estão sendo mostrados pelo governo.

Nessa entrevista, Luiz Eduardo Soares, um dos maiores especialistas em segurança pública do país, debati este tema e o rumo da segurança pública no Brasil.

E o que podemos concluir com os dados apresentados por Luiz Eduardo é que houve sim uma redução de homicídios, porém, esta redução já estava acontecendo desde anos anteriores e que nada têm a ver com a política apresentado por Moro e Bolsonaro.

Então, se você chegou a pensar que o governo Bolsonaro reduziu a criminalidade, não se engane, pois os dados apresentados são apenas sobre mortes por homicídios o que não representa, de fato, o aumento de fato da segurança pública.

Além do mais, os números apresentados são de cerca de 50.000 mortos assassinados, e isso não é dado para comemorar!

Se seu objetivo é investir e ter retorno considerável tenho um convite para você!

Assista a Aula Online Gratuita: Os 3 Pilares para a Construção de Riqueza Vitalícia

Nesta  aula você vai aprender a aproveitar as melhores oportunidades do mercado financeiro. E ainda:

  • Como o Mercado Financeiro funciona na prática e quais os melhores caminhos para seguir
  • Qual o verdadeiro significado do dinheiro
  • Entendendo o essencial sobre o Mercado de Ações e de Renda Fixa para não correr riscos desnecessários

Não perca a oportunidade de aprender em uma única aula o que você não aprendeu durante toda a sua vida sobre Finanças e Investimentos.

Forte abraço,

Equipe Edu Moreira

🔴 Curta também as redes sociais! 📷Instagram / 👍Facebook / 🎥 YouTube

Você também pode gostar

Deixe um comentário