Material escolar: 10 dicas para economizar

Material escolar: 10 dicas para economizar

O começo do ano já vem com uma série de contas a pagar e uma das coisas que mais pesa no orçamento é o material escolar. A cada ano, as escolas incluem mais itens, alguns um tanto desnecessários, além dos livros, cada vez mais caros.

Mas saiba que tem como economizar! Por isso, separamos aqui algumas dicas na hora da compra do material escolar e com certeza, vão ajudar muito a economizar.

Dicas para economizar com material escolar

Antes de comprar o material escolar, seria interessante você se fazer algumas perguntas:

  • Qual item da lista é realmente necessário?
  • O que pode ser reutilizado do ano anterior?
  • Será que é possível reaproveitar o material de outro aluno?
  • A compra do material escolar cabe no seu orçamento?

Só para você saber, existe uma lei que proíbe a obrigatoriedade de produtos de higiene pessoal e de limpeza. Fique atento!

Veja agora algumas dicas para economizar com material escolar:

1. Reaproveitar material

O ideal é que antes de você comprar o material escolar, ver o que pode reaproveitar do ano anterior. De repente, a mochila, estojo, caixa de lápis de cor, régua, enfim, itens que independem da série a ser cursada.

E no caso de se ter filhos com idades mais ou menos próximas, talvez você consiga até reaproveitar os livros didáticos.

É importante ensinar aos filhos a importância de cuidar do material. Eles precisam aprender a conservar seus livros, para que possa ser reutilizado e você poderá economizar com material escolar.

2. Comprar o material em conjunto com outros pais

Essa é uma maneira que se pode economizar bastante. Basta você se reunir com outros pais e comprarem o material escolar no atacado.

Geralmente, quando se compra em maior quantidade, os preços ficam bem menores e compensa bastante. Uma dica é no caso dos livros, que são caros, é reunir de quatro a cinco pais, ir até a livraria e pedir um desconto.

3. Comparar os preços

Alguns pais, até pela falta de tempo, acabam comprando o material escolar na primeira papelaria ou livraria. Mas provavelmente vão gastar bem mais.

A dica é você comparar os preços, que podem variar bastante de loja para loja. Hoje em dia, com a internet, é possível fazer essa pesquisa entre vários estabelecimentos.

4. Não deixe para comprar em cima da hora

Assim que você tiver acesso à lista, já comece a pesquisar e uma ideia é ir comprando aos poucos.

Dessa forma, você terá tempo de analisar onde está mais barato e não corre o risco de gastar mais simplesmente porque deixou tudo para em cima da hora. Você vai poder quais os itens básicos e os que realmente precisam ser comprados.

5. Siga a lista

Fique bem atento ao que está na lista e veja quais são os itens que são realmente necessários, pois muitas vezes as escolas colocam na lista coisas que seu filho nunca vai usar.

Aqui também entra a não comprar por impulso. É muito comum as crianças pedirem mochilas novas, um novo conjunto de canetinhas, mas se puderem reutilizar do outro ano, você fará uma boa economia de dinheiro.

Economizar com Material escolar: 10 dicas

6. Pagar à vista

O ideal é pagar à vista e pedir um desconto. Mas se isso não for possível, confirme se não estão embutidos juros nas parcelas e, principalmente, se você tem como arcar com todas elas. Caso contrário, você já corre o risco de começar o ano endividado.

7. Fazer uma previsão de gastos

Antes de sair às compras, estabeleça um valor que pode gastar. É uma excelente forma para não extrapolar no seu orçamento.

De repente, algum item da lista só vai ser preciso no segundo semestre e aí você deixa pra comprar depois. Por isso que é importante ler com bastante a lista. Dessa forma, conseguirá economizar com material escolar.

8. Conversar com os filhos

A grande maioria dos pais não conseguem resistir aos apelos dos filhos e acabam se endividando por conta disso.

Converse com seus filhos e mostre a eles até quanto pode gastar. Mas caso você sinta muita dificuldade em convencê-los, o melhor é ir sozinho comprar o material escolar.

9. Verificar a qualidade do material

É claro que devemos olhar os preços, mas saiba que olhar a qualidade do material também é importante. Do que adianta comprar algo mais barato e daqui a seis meses, ter que comprar novamente?

Por isso que vale a pena até pagar um pouco mais, mas você vai ter a certeza que vai durar muito e quem sabe até pro próximo ano. O importante é que o material possa atender a todas as necessidades e ao mesmo tempo, ter uma boa durabilidade.

10. Troca de material

Uma dica é você criar um grupo no WhatsApp ou Facebook e entre em contato com outros pais. A ideia aqui é a troca de material entre os alunos.

Isso vale muito para os livros, onde alguns podem sair até de graça. Uma outra dica é pesquisar em sebos, pois os livros são bem mais baratos.

Conclusão

Você viu que existem muitas formas para você economizar na compra do material escolar. Veja todas as nossas dicas e com certeza será possível já começar o ano poupando e não se endividando.

E saiba que quanto antes conseguir ter acesso à lista, melhor. Você já vai se programando e pode ir comprando o material aos poucos, sem pesar muito no seu orçamento.

Conte para nós: o que faz para economizar com material escolar?

CLIQUE AQUI para conhecer o Sistema 3C da Construção de Riqueza!

Você também pode gostar

Deixe um comentário