Um investidor de sucesso – Warren Buffett: 3 segredos sobre investimentos

Um investidor de sucesso – Warren Buffett: 3 segredos sobre investimentos

Quase todas as pessoas que têm interesses por negócios, bolsa de valores, investimentos e sobre o mercado financeiro, já ouviu falar deste nome que é referência: Warren Buffett.

Fazer menção a Buffett nestes assuntos é tão comum que chega a ser quase que indispensável, considerando principalmente a genialidade desse homem como investidor.

A vida do investidor Buffett

Sua vida empresarial se deu início desde muito cedo, por meio de atitudes tomadas por ele mesmo com a esperança de lucrar e de guardar dinheiro. Ainda pequeno Buffett já tinha um conhecimento sobre finanças e sabia da importância de poupar.

Desde então, ele começou a vender balas além de revistas semanais e até Coca-Cola batendo de porta em porta na casa de vizinhos e moradores próximos a sua rua em onde morava, Omaha cidade localizada em Nebraska, EUA. Além disso, Warren trabalhou ainda jovem na loja de seu avô com o intuito de aprender mais sobre o mundo dos negócios.

Com apenas 26 anos e US $ 100, Warren Buffett fundou sua primeira empresa, a Buffett Partnership, em 1956, antes de se tornar o investidor mais bem-sucedido de todos os tempos, 14 anos depois, na Berkshire Hathaway.

Poucos são conhecidos por serem bem-sucedidos em sua primeira empresa depois da Berkshire Hathaway. Em 1969, ele obteve um retorno médio de quase 30% ao ano.

Com o estabelecimento da empresa “Buffet Partnership”, o jovem Warren Buffet partiu em busca de investidores nos anos sessenta.

Estes precisaram concordar com nove regras básicas antes de poderem investir na companhia de Buffett. Buffett queria garantir que todos compartilhassem as mesmas suposições e expectativas básicas da parceria.

As cartas

As cartas anuais escritas pelo grande investidor e multibilionário Warren Buffett aos acionistas da Berkshire Hathaway são lendárias: já em 1977, Buffett começou essa tradição – e continua a fazê-lo hoje.

Nessas cartas, Buffett descreve o desenvolvimento da holding e expressa sua opinião sobre a situação econômica. A característica especial: as cartas de Buffett não são apenas livremente disponíveis ao público, mas também escritas em linguagem tão simples que são compreensíveis até para aqueles que não são ativos no setor financeiro. Michael Toth, um cientista de dados de Nova York, agora tinha como missão analisar todas as cartas do empresário.

Warren Buffett: 3 Segredos sobre Investimentos

The Book – Fundamental Investment Secrets

Em seu livro, “Fundamental Investment Secrets, de Warren Buffett”, o autor Jeremy Miller cita as primeiras cartas de investidores famosos, oferecendo ao leitor um vislumbre da mentalidade do jovem gênio investidor.

Uma das suposições de Buffett é que nenhum parceiro tem garantia de retorno. No entanto, a atitude de Buffett para um bom ano de investimento é particularmente empolgante. Ele conclui ainda que, para ser um bom investidor, deve-se dispor de algumas características:

“Embora possa parecer que qualquer um possa ser um investidor da bolsa de valores, as características essenciais desse tipo de investidor – paciência, disciplina e aversão ao risco – podem ser geneticamente determinadas”, escreve o bilionário Seth Klarman no prefácio do sexto, edição de ” Security Analysis “, um dos livros que Buffett credita, dando-lhe a base de que precisava para se tornar o lendário investidor que ele é agora.

Essas três características – paciência, disciplina e aversão ao risco – surgem frequentemente quando Warren Buffett fala sobre o que o tornou bem-sucedido.

Os 3 segredos de Buffett

Paciência: “Os investidores da bolsa de valores não estão preocupados em ficar ricos amanhã”, explicou Buffett a um grupo de estudantes de MBA. “As pessoas que querem ficar ricas rapidamente não ficarão ricas. E não há nada de errado em ficar rico lentamente.”

Disciplina: “As ações sobem e descem, sendo assim não existe um jogo onde as probabilidades estão ao seu favor. Mas, para vencer neste jogo, você precisa de disciplina para formar suas próprias opiniões e ter o temperamento certo, é mais importante do que o QI”, Buffett disse.

Aversão ao risco: Em sua carta de 2018 aos acionistas, Buffett escreveu que “investir é uma atividade na qual o consumo hoje é esquecido em uma tentativa de permitir um consumo maior em uma data posterior.” Risco “é a possibilidade de que esse objetivo não seja atingido”.

Mas, para Buffett, evitar riscos não significa gravitar para investimentos aparentemente mais seguros, como títulos. Para um investidor de longo prazo, seu conselho é o oposto – ter um portfólio diversificado de ações.

Otimismo contagiante

A visão otimista de Buffett sobre o mundo tem apenas vantagens: qualquer pessoa que passe pela vida com confiança e se concentre nos aspectos positivos terá maior probabilidade de percebê-los – e, portanto, só se tornará mais feliz.

O otimismo também é contagiante. Através de seu otimismo interminável, Buffett leva as pessoas a comprar ações. Como resultado, o valor de mercado aumenta vertiginosamente, a boa vontade aumenta e a renda de Buffett cresce ainda mais – uma situação otimista para todos os envolvidos.

Sem diligência sem preço

Mesmo se você adotar uma perspectiva otimista deve ter em mente que o otimismo por si só não leva ao sucesso: apenas esperar que algo melhore não alterará a situação.

Como Melinda Gates disse uma vez, “o otimismo não é a crença de que tudo vai melhorar automaticamente, mas a convicção de que você pode fazer melhor”. E isso, infelizmente, inclui trabalho duro.

A história deste investidor não para e continua crescendo. Mas, uma das coisas que Buffett sempre diz e prioriza é:

“Quando chegar à minha idade, você medirá o sucesso na vida pelo número de pessoas que desejou que o tivessem amado e que de fato o amam. Conheço pessoas que têm muito dinheiro, são homenageadas em grandes jantares, têm alas inteiras de hospitais batizadas com o seu nome. Porém, a verdade é que ninguém no mundo as ama. Se você à minha idade e não houver ninguém que goste de você, não importa o tamanho da sua conta bancária, sua vida terá sido um desastre…”

Agora que você já aprendeu como ser um investidor de sucesso, conte para nós os próximos passos nos investimentos.

CLIQUE AQUI para baixar o Ebook Gratuito “Como evitar os 7 Pecados dos Investidores”!

Você também pode gostar

Deixe um comentário