Poupança Programada: o que é e como funciona

Poupança Programada: o que é e como funciona

Você já tentou fazer uma poupança, mas sempre acontece alguma coisa e não consegue dar continuidade? Muitas pessoas têm uma certa dificuldade para poupar principalmente porque não têm disciplina ou por falta de planejamento. E nesses casos, a poupança programada pode ser uma ótima opção.

Se você se enquadra nesse perfil, conheça o que deve fazer, como fazer e porque vale a pena fazer a poupança programada.

O que é poupança programada

A poupança programada é um serviço gratuito, disponibilizado pelos bancos para todos aqueles clientes que já tem uma conta poupança ou conta corrente.

Na verdade, não existe diferença da poupança em si, a única coisa é que já se sabe qual o valor que será destinado. Lembrando que, apesar de não ter rendimentos muito altos, ainda é um dos investimentos mais procurados pelos brasileiros, especialmente pela segurança e baixo risco.

Como funciona a poupança programada

Como o próprio nome diz, o serviço estará programado sempre para acontecer em uma determinada data. E você já sabe com antecedência que aquele valor vai sair da sua conta e ser direcionado para a poupança.

Mas é muito importante que você defina previamente qual será esse valor, de forma que não comprometa o seu orçamento mensal.

E para contratar a poupança programada, basta acessar a sua conta pelo internet banking, canais de autoatendimento ou na própria agência e ativá-la.

Você vai estipular um valor e a data, e automaticamente o dinheiro será transferido automaticamente para essa poupança.

Funciona da mesma forma que a poupança, onde os depósitos são remunerados pela Taxa Referencial e mais os juros mensais.

Só preste atenção porque cada banco dá um nome diferente para a poupança programada. Alguns utilizam o termo ‘Depósito Programado em Poupança’ e outros ‘Aplicação Programada Mensal’.

E se por um acaso você não quiser mais o serviço, aumentar ou diminuir o valor, basta acessar o site do banco ou se dirigir à agência.

Conheça os benefícios

Um dos principais benefícios é realmente economizar dinheiro. E se você não tem disciplina para reservar uma parte do seu salário todos os meses para investir, a poupança programada pode ser muito vantajosa.

É como se você se forçasse todos os meses a poupar, mas fique bem atento se esse dinheiro não vai te fazer falta.  Por isso que é importante você ter feito um planejamento financeiro, com todos os seus gastos e avaliar quanto vai sobrar.

Os principais benefícios da poupança programada são:

  • Ajuda a economizar;
  • Você que escolhe o valor e a data;
  • Cria disciplina;
  • Sem a cobrança de tarifas;
  • Praticidade, pois é tudo de forma automática;
  • Não paga Imposto de Renda;
  • Pode cancelar quando quiser.

Muitas pessoas não têm o hábito de poupar e a poupança programada pode ajudar bastante. A partir do momento que você já programou fazer a transferência da sua conta corrente para a poupança, não corre o risco de se esquecer ou usar o dinheiro em outra coisa.

Um outro ponto super importante: é essencial que você mantenha as contas em dia, com o objetivo de sobrar dinheiro para ser transferido para a poupança.

Por isso que o primeiro passo é montar um bom planejamento financeiro! Só assim você consegue ter uma noção dos seus gastos e saber quanto vai poder destinar para a sua poupança.

Poupança Programada: o que é e como funciona

Por que é importante ter uma reserva de emergência

Todos nós sabemos que estamos sujeitos a imprevistos, e aí é que entra a reserva de emergência, que seria justamente para te dar um suporte quando alguma coisa acontecesse.

E a poupança programada vai te ajudar a formar essa reserva financeira, onde o ideal seria reservar cerca de 30% do seu salário. Mas se não for possível, tente separar o que der e ir aumentando esse valor. O que é importante ter em mente é poupar, independentemente de quanto seja!

Poupança programada x investir 

Você sabe que a poupança, apesar de ser segura, rende muito pouco. Uma ideia é de repente você investir o seu dinheiro em algo mais rentável, como por exemplo, o Tesouro Direto.

Saiba que com apenas R$0, já é possível investir! Você adquire títulos públicos e em troca, recebe juros todo mês. É tão seguro quanto a poupança programada e sem nenhum risco.

Esse é só um exemplo, o ideal é buscar por um investimento mais adequado ao seu perfil. Mas independentemente de qual investimento você escolher, tenha em mente que ter disciplina é fundamental. Sem ela, você não consegue nem mesmo fazer a poupança programada.

Agora, caso você esteja tendo dificuldade para fazer com que sobre dinheiro no final do mês, reveja suas contas, corte gastos desnecessários, estabeleça metas.

Hoje em dia, como já foi falado acima sobre a reserva de emergência, ninguém está livre de imprevistos e você precisa estar resguardado.

Agora que você já conhece a poupança programada, pensa em investir? 

CLIQUE AQUI para baixar o Ebook Gratuito “Como evitar os 7 Pecados dos Investidores”!

Equipe Eduardo Moreira

Você também pode gostar

Deixe um comentário