5 de abril de 2022

Como as alíquotas afetam seus investimentos e gastos mensais?

Como as alíquotas afetam seus investimentos e gastos mensais?

Alíquota é um termo comum no mundo financeiro. Quando entramos em março, começamos a nos deparar com reportagens diárias sobre as declarações de Imposto de Renda, sanando dúvidas e nos alertando sobre os prazos a serem respeitados. Apesar desta taxa ser ligada com frequência ao IR, ela está presente em muitas áreas da nossa vida. Não sabe quais? Continue a leitura para descobrir!

O que é uma alíquota?

É um percentual ou valor fixo utilizado como base para calcular diferentes categorias de impostos. De acordo com o Serasa, o Brasil possui 92 diferentes impostos federais, estaduais e municipais, cobrados de pessoas físicas e/ou jurídicas, como:

  • IPI: Imposto sobre Produtos Industrializados, para a indústria;
  • IRPJ: Imposto de Renda Pessoa Jurídica, sobre a renda de CNPJs;
  • PIS: Programa de Integração Social;
  • INSS: Instituto Nacional do Seguro Social;
  • ICMS: Impostos sobre Circulação de Mercadorias e Serviços;
  • IPVA: Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores;
  • IPTU: Imposto sobre Propriedade Territorial Urbana.

Cada um desses impostos possui sua própria alíquota. No ICMS, por exemplo, as alíquotas afetam diretamente o preço final dos produtos, que serão vendidos para nós por meio dos comerciantes.

Ou seja, as alíquotas estão mais presentes no dia a dia dos consumidores do que eles podem imaginar.

Para que servem as alíquotas?

Como já afirmamos acima, a alíquota determina a porcentagem ou valor fixo que será aplicado sobre uma quantia de dinheiro recolhido de tributos. Isso acontece porque a maioria dos bens e serviços da economia são tributados.

Para cada tributo, é aplicado uma alíquota que calculará o valor a ser pago pela pessoa ou empresa.

Como funciona as alíquotas no Imposto de Renda?

Apesar desse percentual afetar várias áreas da nossa vida, como as compras de supermercado e a troca de carro, uma das que mais gera preocupação é a do Imposto de Renda. Então vamos entender melhor a relação entre esses dois termos.

O Imposto de Renda possui uma alíquota progressiva – isso é, que aumenta de acordo com o dinheiro envolvido. Atualmente, a tabela do IRPF determina que pessoas com ganhos mensais de até R$ 1.903,98 não precisam fazer nenhum tipo de pagamento.

Já quem ganha acima desse valor, pode ter que pagar uma alíquota de até 27,5%. Confira:

  • Até R$ 1.903,98: 0%;
  • De R$ 1.903,99 a R$ 2.826,65: 7,5%;
  • De R$ 2.826,66 a R$ 3.751,05: 15%;
  • De R$ 3.751,06 a R$ 4.664,68: 22,5%;
  • Acima de R$ 4.664,68: 27,5%.

Entretanto, o Projeto de Lei 2337/21 propõe uma atualização dessa tabela para os próximos anos. É proposto nesse projeto que os contribuintes que ganham até R$ 2.500,00 sejam isentos de pagamento de Imposto de Renda.

Leia também: Quem deve declarar Imposto de Renda

As alíquotas podem afetar meus investimentos?

Sim, a alíquota também pode ter um impacto direto nos seus investimentos, já que o IRPF é incidido em alguns tipos de aplicações.

Enquanto o queridinho CDB (Certificado de Depósito Bancário) pode sofrer uma incidência de até 22,5% sobre sua rentabilidade, as LCI e LCA são isentas de imposto, por estimularem a economia nacional por meio de investimentos.

E esses são apenas dois exemplos de investimentos que podem ser afetados ou não pelos impostos. Por isso, é importante investir também no conhecimento para entender quais categorias de aplicações oferecem as melhores condições.

Se você quer aprender mais sobre investimentos, assista essa aula gratuita em que o Eduardo Moreira ensina como construir, aumentar e preservar patrimônio em qualquer cenário econômico.

Equipe Edu Moreira

🔴 Curta também as redes sociais! 📷Instagram / 👍Facebook / 🎥 YouTube

Eduardo Moreira
Eduardo Moreira

Eleito um dos três melhores economistas do Brasil pela Revista Investidor Institucional, Eduardo Moreira foi apontado pela Universidade da Califórnia como o melhor aluno do Curso de Economia nos últimos 15 anos. Autor de diversos best-sellers, Eduardo foi o primeiro brasileiro a ser condecorado pela rainha Elizabeth II no Castelo de Windsor, em junho de 2012.

Saiba Mais
Você também pode gostar
Melhor câmbio: 3 dicas de ouro (que valem mais do que dinheiro)
+
Melhor câmbio: 3 dicas de ouro (que valem mais do que dinheiro) Garantir o melhor câmbio é uma prioridade, já que viajar voltou a ser a meta de muitas pessoas depois da reabertura das fronteiras e uma melhora significativa ...
3 de março de 2022
Onde investir? Conheça os investimentos isentos de IR
+
Onde investir? Conheça os investimentos isentos de IR Você não sabe onde investir? Existem investimentos isentos de IR (Imposto de Renda) que servem para estimular o maior fluxo de recursos para determinadas áreas, ...
18 de janeiro de 2022
Como definir objetivos antes de investir? 5 passos para seguir!
+
Como definir objetivos antes de investir? 5 passos para seguir! Você deseja trocar de carro? Quer sair do apartamento alugado para uma casa própria? Espera pagar uma faculdade particular para os filhos? Todos nós precisamos ...
4 de maio de 2022