24 de outubro de 2019

Juros compostos: A máquina de Rendimento ou Prejuízo

Juros compostos: A máquina de Rendimento ou Prejuízo

Para alcançar a tão sonhada independência financeira, você precisa dominar alguns conceitos essenciais que vão te levar para um próximo nível, um deles é o juro composto.

E hoje você vai aprender um dos mais importantes aqui. 

Este é o momento certo para você entender o essencial sobre… 

Juro simples e os juro composto

O que são os juros simples?

Juros simples funciona basicamente assim: 

Imagine que você tem uma quantia de dinheiro e a investe a uma taxa de juros. Depois de um tempo, você resgata os juros que você ganhou e gasta com alguma coisa que você deseja. 

Vamos supor que você investiu R$ 1 mil e combinou que a sua taxa de juros será de 10%. Neste momento, você sabe que todo o ano você vai ter um rendimento de R$ 100. 

(Isso simulando que não há nenhum tipo de imposto e etc). 

Você já sabe que você terá R$ 100 por ano para gastar no que você quiser. 

Sabe também que no ano seguinte você vai ter os mesmos R$ 1 mil investido e vai poder resgatar mais R$ 100. 

No terceiro ano, você vai ter R$ 1 mil e você vai resgatar os mesmos R$ 100. E assim por diante…  

Porém todo ano você vai ter os mesmos R$ 100 de rendimento. 

Simplesmente porque o dinheiro que você tem aplicado é R$ 1 mil, e os juros incidem sobre o mesmo valor (R$ 1 mil).  

E juro composto?

Juro composto é como se você não resgatasse esse dinheiro. 

Você deixa os juros que você ganhou aplicados novamente na mesma taxa de juros

Juro composto é o segredo para sua aposentadoria.

Por exemplo, se você colocou os mesmos R$ 1 mil e esses juros renderam 10%, significa que você vai começar o ano seguinte com R$ 1100.

E os 10% de juros não vão mais render sobre o mesmo R$ 1 mil. Vai render em cima de R$ 1100. 

E 10% de juros em cima de R$ 1100, representam R$ 110. 

A diferença dos R$ 110 que você vai ganhar no segundo exemplo para os R$ 100 que você ganharia no primeiro exemplo ao resgatar o dinheiro, são R$ 10 reais de juros que renderam em cima de juros

São 10% em cima dos R$ 100, que foram os juros do primeiro ano. 

Quando você começa a ter juros sobre juros você vai criando uma espécie de bola de neve com efeito positivo. Não é por acaso que Warren Buffet, investidor e também um dos homens mais ricos do mundo, dá o nome de um dos seus livros de “A bola de neve”. 

É importante que você saiba usar os juros compostos ao seu favor para que o seu  dinheiro reaplicado possa render cada vez mais e se tornar uma verdadeira fortuna.

Vou te dar um exemplo. 

Se você investe R$ 1 mil durante 30 anos a 15% de juros simples, significa que todos os anos você regata os 15% que renderam e gasta como quiser. 

No final de 30 anos você vai ter o seguinte: 

Os R$ 1000 iniciais + o dinheiro que você resgatou (que é R$ 150 x 30) = R$ 4.500. 

Ou seja, no total de 30 anos aplicando R$ 1 mil a juros simples você vai receber R$ 5.500.

Mas e se você não resgatasse esse dinheiro todo ano e deixasse ele reinvestido? Quanto será que você teria depois de 30 anos no juro composto?

Você teria R$ 66 mil! 

Ou seja, aplicando R$ 1 mil a uma taxa de 15% com juro composto, você teria R$ 66 mil. 

Isso representa mais de 10x do que nos juros simples. 

Ou seja, conseguir fazer o dinheiro acumular e render em cima dos juros que ele já rendeu antes, é o grande segredo para construir verdadeiras bolas de neve. 

Esse é um dos conceitos fundamentais que você deve seguir para construir patrimônios e para conquistar a verdadeira independência financeira. 

Existem outros conceitos que você precisa conhecer para conseguir bons resultados no Mercado Financeiro

A boa notícia é que só pelo fato de você ter lido este artigo até o fim já significa que você está no caminho certo.

Mas se você realmente quer multiplicar as chances de fazer bons investimentos e construir patrimônio…. 

… Você não pode perder ESTA AULA.  

O tema é: Os 3 Pilares para Construção de Riqueza Vitalícia

Entre os tópicos que você vai ver na aula, aqui estão alguns deles:

  • Por que a grande maioria dos brasileiros não consegue;
  • O verdadeiro significado de dinheiro;
  • O que os donos do poder não querem que você saiba;
  • E muito muito mais. 

Para acessar essa aula gratuita, basta garantir a sua vaga no link abaixo

Quero Garantir Minha Vaga >>

Um forte abraço, 

Edu Moreira 

Eduardo Moreira
Eduardo Moreira

Eleito um dos três melhores economistas do Brasil pela Revista Investidor Institucional, Eduardo Moreira foi apontado pela Universidade da Califórnia como o melhor aluno do Curso de Economia nos últimos 15 anos. Autor de diversos best-sellers, Eduardo foi o primeiro brasileiro a ser condecorado pela rainha Elizabeth II no Castelo de Windsor, em junho de 2012.

Saiba Mais
Deixe um comentário
Você também pode gostar
Teve seu cartão clonado? Veja como proceder
+
Teve seu cartão clonado? Veja como proceder Em um ano, quase 3,6 milhões de pessoas tiveram seu cartão clonado. Esse número foi divulgado em 2019 em uma pesquisa realizada pela Confederação Nacional de ...
30 de novembro de 2020
Leoni: “saída é ir além da resistência”
+
Leoni: “saída é ir além da resistência” O cantor e compositor Leoni, em entrevista ao economista Eduardo Moreira, destacou que a cultura no Brasil é vista como uma “ameaça” pelas classes dominantes. ...
12 de novembro de 2020
Reinvenção do país depende do investimento na educação
+
Reinvenção do país depende do investimento na educação A educação é um dos pilares essenciais na evolução do ser humano. Em cada conquista rumo à civilização, há a necessidade de transmissão aos seus ...
5 de outubro de 2020