Dá para comprar um imóvel sem entrada?

Dá para comprar um imóvel sem entrada?

Se você quer realizar o sonho da casa própria e não tem dinheiro, sabia que dá para comprar um imóvel sem entrada?

Você deve saber que para contratar um financiamento, é necessário dar uma entrada, de 20 a 30% do valor do imóvel.  E quanto maior for essa entrada, menor será o valor do financiamento.

Então, se você não tem a quantia suficiente para dar uma entrada e quer saber como tornar possível seu sonho, não deixe de conferir o que preparamos para você.

Além de saber o que fazer para colocar tudo em prática, também vamos te mostrar se vale a pena poupar para conseguir dar uma entrada e muito mais.

Como funciona o processo da compra de um imóvel sem entrada

Infelizmente, comprar um imóvel sem entrada não é tão fácil quanto parece, pois as instituições financeiras exigem um valor de entrada. Isso no caso dos financiamentos.

Mas não se preocupe! Existem formas para você realizar o sonho da casa própria sem impactar tanto no seu orçamento.

O que é o financiamento

O financiamento do imóvel pode ser solicitado se você não tiver o dinheiro para pagar pelo imóvel à vista, mas a maioria dos bancos exige uma entrada, que pode variar entre 20% e 30% do valor total do imóvel.

Então, você dá essa entrada e assume as prestações mensais. E cada banco disponibiliza um prazo para esse financiamento. Por exemplo, na Caixa, você pode pagar em até 35 anos.

A única questão que você deve levar em conta em relação ao financiamento é o seu orçamento. É preciso ter certeza que você tem condições financeiras de arcar com o pagamento das parcelas, para não correr o risco de perder o seu imóvel por falta de pagamento.

Por isso, o valor da prestação não pode ser superior a 30% da renda familiar.

Resumindo, o banco vai te emprestar o dinheiro para você comprar o imóvel e você, deverá pagar esse empréstimo, que será acrescido de juros e em um período pré-estabelecido.

Dá para comprar um imóvel sem entrada?

Sim, existem duas formas para se comprar um imóvel sem entrada:

  • Programa Minha Casa Minha Vida
  • Direto com a construtora

Vamos ver cada um deles agora.

Minha Casa Minha Vida

É um Programa do Governo Federal para ajudar as pessoas que não têm condições de comprar um imóvel próprio.

Para fazer parte do programa, a renda familiar não pode ser superior a 9 mil reais. Mas quanto menor for essa renda, maiores serão os benefícios.

Por isso que o Minha Casa Minha Vida é dividido em 4 faixas, de acordo com a renda familiar. Mas somente a faixa 1, que é aquela onde a renda familiar é inferior a 1800 reais, que é possível comprar um imóvel sem entrada.

Se você se encaixa nessas condições, é preciso procurar a prefeitura da sua cidade, fazer sua inscrição e aguardar.

Mas vale a pena se informar quanto aos pré-requisitos para poder participar do Programa. Veja alguns deles:

  • O valor da parcela não pode ser maior do que 30% da renda familiar;
  • A família não pode ter nenhum outro benefício do Governo Federal;
  • O titular não pode ter outro financiamento;
  • O imóvel deve estar localizado na região onde o titular mora ou trabalha;
  • O titular não pode ter utilizado o FGTS para outro financiamento, nos últimos 5 anos.

comprar um imóvel sem entrada

Compra do imóvel sem entrada direto com a construtora

É claro que são exigidos vários documentos para comprovar sua capacidade de pagamento, mas geralmente o processo é muito menos burocrático em comparação com uma instituição financeira.

Vale lembrar que nesse caso, o imóvel é na planta. Se você não se encaixa no Minha Casa Minha Vida e não tem pressa, pode ser uma opção para você realizar o sonho da casa própria.

Na maioria das vezes, as construtoras colocam o prazo de 15 anos para o pagamento do financiamento. Mas não se esqueça de prestar bastante atenção às taxas de juros.

Vale a pena poupar para dar uma entrada maior?

Você já deve saber que ter um planejamento financeiro é importantíssimo, concorda?

Por isso, a dica é: tente poupar todos os meses para dar uma entrada maior. Assim, o valor do seu financiamento vai ser menor e, consequentemente, você não corre o risco de comprometer o seu orçamento.

Uma outra ideia é fazer uma pesquisa por imóveis e saber qual será o valor da parcela do financiamento. E aí você já pode fazer um teste, separando aquele valor todos os meses.

É a melhor forma para analisar se terá ou não condições de pagar aquela parcela. E se não conseguir, é a hora de rever as suas contas, procurar reduzir para encaixar o valor da prestação do financiamento.

Conclusão

Você acabou de ver como é possível comprar um imóvel sem entrada, seja pelo Minha Casa Minha Vida ou comprando na planta diretamente com a construtora.

Independentemente de qual for a sua escolha, preste bastante atenção ao valor da prestação para não comprometer o seu orçamento mensal.

Uma dica é você começar a poupar todos os meses e ir juntando um valor para dar a entrada, que varia de 20 a 30% do valor total do imóvel. E quanto maior for a entrada, menor será o financiamento.

Por mais que você deseje concretizar o seu sonho o mais rápido possível, faça uma pesquisa e estude todas as possibilidades antes de fechar o negócio.

CLIQUE AQUI para conhecer o Programa Mente Rica!

Agora que já sabe que é possível comprar um imóvel sem entrada, pretende se organizar para fazer isso?

Você também pode gostar

Deixe um comentário