9 de abril de 2019

Quem pode financiar imóvel pela Caixa?

Quem pode financiar imóvel pela Caixa?

Qual é a pessoa que não sonha com a casa própria? Financiar imóvel pela Caixa é o caminho mais procurado.  Mas é muito importante você ter em mente que, dependendo do financiamento, é um período bem longo.

Logo, você precisa saber se vai ter condições financeiras de arcar com as prestações. Por isso, o ideal é fazer uma simulação antes de contratar. É muito fácil, basta acessar o site da Caixa.

É possível financiar imóvel pela Caixa?

Sim, é possível financiar imóvel pela Caixa. Inclusive é a instituição financeira que as pessoas mais recorrem para realizar o sonho da casa própria.

Além disso, a Caixa disponibiliza várias formas de financiamento, levando em consideração a sua renda, se o seu nome está negativado e o valor do imóvel. O período máximo de financiamento é de 35 anos, durante o qual, devem ser pagas as prestações acordadas em contrato.

Como funciona um financiamento?

O interessado deve solicitar junto à instituição financeira um crédito imobiliário para financiar um imóvel. A quantidade de parcelas a serem pagas vai variar de financiamento para financiamento, onde na Caixa, por exemplo, pode ser até 35 anos.

É importante que não atrase o pagamento, para não correr o risco de perder seu imóvel. E depois de acabado o financiamento, aí sim o imóvel é seu.

Quem pode financiar imóvel pela Caixa?

Separamos as condições para quem pode financiar imóvel pela Caixa:

  • Ter mais de 18 anos ou ser emancipado com 16 anos completos
  • Ser brasileiro ou possuir visto permanente
  • Cadastro sem restrições junto aos órgãos de proteção ao crédito
  • Possuir capacidade civil e de pagamento

E quais as exigências para o imóvel?

  • Estar localizado no mesmo município do seu trabalho, nos municípios limítrofes ou integrantes da mesma região metropolitana
  • No mesmo município onde você comprove residência há mais de um ano

Quem pode financiar imóvel pela Caixa

Quais os tipos de financiamento?

Além de poder solicitar o financiamento para imóvel novo e usado, é possível também financiar a construção em um terreno, a aquisição de um terreno e até reforma.

Imóvel novo

Esse financiamento é feito através do Sistema Financeiro de Habitação e você ainda pode usar o seu FGTS como parte do pagamento. Mas para isso, é preciso ter, pelo menos, 3 anos com carteira assinada. Lembrando que a prestação não pode ser maior do que 30% da sua renda.

Imóvel usado

Também é possível usar o FGTS e tem até 35 anos para pagar o financiamento.

Construção em terreno próprio

Disponível para clientes que já possuam a escritura definitiva do terreno.

Compra de terreno

Financiamento para compra de terreno, desde que tenha toda a infraestrutura, como vias de acesso, energia elétrica, saneamento básico.

Reforma ou ampliação

Voltado para o financiamento da obra ou serviços para a melhora ou aumento da área construída. Mas é necessário ter a escritura definitiva.

Como contratar um financiamento imobiliário pela Caixa

A primeira coisa que você deve fazer se está pensando em financiar imóvel pela Caixa, é fazer uma simulação, que está disponível no próprio site da Caixa.

Assim, você vai ter uma noção do valor da prestação e se vai caber no seu bolso. E lembrando que no próprio site tem a relação de todos os documentos necessários.

Depois de ter feito a simulação, basta se dirigir a uma das agências da Caixa ou Correspondente Caixa Aqui, levando toda a sua documentação. E aproveite e tire suas dúvidas. A Caixa conta com uma equipe para avaliar o imóvel, além de toda a documentação dos vendedores.

Um diferencial da Caixa é que, de acordo com as informações que você passou e com base nos dados do imóvel, ela vai te ajudar na escolha do melhor financiamento.

Estando tudo certo, é o momento da assinatura do contrato, e dependendo do tipo de financiamento escolhido, você terá até 35 anos para pagar.

Como funciona o pagamento do financiamento

A Caixa disponibiliza dois sistemas para você pagar as suas prestações:

  • Sistema de Amortização Constante – SAC: as parcelas diminuem ao longo do tempo.
  • Tabela Price: as prestações são iguais.

Alguns especialistas dizem que é melhor sair do , mas outros não recomendam, em razão dos juros cobrados. Mas tudo depende também do seu objetivo e um dos principais é ter sua própria casa.

Por isso que é importante antes de contratar um financiamento, fazer uma simulação. É a melhor forma para você saber qual será o valor da prestação e se cabe no seu orçamento. Mas lembre-se: o ideal é fazer uma projeção, pois esse financiamento vai durar muitos anos.

Além de controlar suas finanças é preciso fazer boas escolhas e se blindar das incertezas.

Participe da próxima aula online: Descomplicando o Mercado de Ações – Dia 14/Julho às 20h. É gratuita! 😉

Equipe Edu Moreira

🔴 Curta também as redes sociais! 📷Instagram / 👍Facebook / 🎥 YouTube

Eduardo Moreira

Eleito um dos três melhores economistas do Brasil pela Revista Investidor Institucional, Eduardo Moreira foi apontado pela Universidade da Califórnia como o melhor aluno do Curso de Economia nos últimos 15 anos. Autor de diversos best-sellers, Eduardo foi o primeiro brasileiro a ser condecorado pela rainha Elizabeth II no Castelo de Windsor, em junho de 2012.

Saiba Mais
Deixe um comentário
Você também pode gostar
4 dicas para acompanhar o mercado financeiro
+
4 dicas para acompanhar o mercado financeiro O mercado financeiro pode ser considerado muito complexo e amplo, porém é de extrema importância no dia a dia das pessoas, principalmente para os investidores. ...
21 de setembro de 2020
Mercado de ações para iniciantes
+
Mercado de ações para iniciantes O mercado de ações está se tornando cada vez mais popular para os investidores iniciantes. A B3, bolsa de valores brasileira, atingiu em maio deste ano o pico de ...
23 de setembro de 2020
Rentabilidade e liquidez: qual a diferença?
+
Rentabilidade e liquidez: qual a diferença? Rentabilidade e liquidez são a mesma coisa? E lucratividade, o que é? Pode parecer fácil distinguir as diferenças, mas é comum muitos investidores, ...
20 de outubro de 2020