10 verdades sobre o mercado financeiro que você precisa saber

10 verdades sobre o mercado financeiro que você precisa saber

Se você entrar em uma sala e perguntar “quem aqui quer ficar rico?”, todos vão erguer as mãos. Mas até onde as pessoas estão dispostas a chegar para atingir essa meta? Quem nunca teve contato com o mercado financeiro, não precisa se assustar.

Essa é uma opção de ganhar dinheiro e é muito simples de ser feita, mas tem que ter dedicação e estudo. Pensando nisso, separamos 10 verdades sobre o mercado financeiro que você precisa saber antes de começar a investir.

1. Investir é chato, trabalhoso e quase ninguém consegue sozinho de primeira

Você pode estudar sobre os mais diversos tipos de investimentos e isso é trabalhoso, chato e precisa de paciência.

Para que o investidor iniciante consiga se sentir seguro para investir são necessárias boas horas de pesquisas.

Mas não tem jeito. Ou a pessoa aprender a poupar dinheiro e aplicar em ativos financeiros ou ao final de sua vida, ela terá muito pouco ou até nada para poder aproveitar a aposentadoria com tranquilidade.

2. Você que deve pensar na sua aposentadoria

O governo irá prover a você uma aposentadoria, na grande maioria dos casos, muito inferior ao rendimento que você estava acostumado a ter enquanto trabalhava, o que acarretará na queda brusca de sua qualidade de vida.

Então se você está esperando viver tranquilamente somente com o valor pago pelo Estado, é muito provável que no futuro você passe alguns apuros financeiros.

3. O mercado de ações não é exclusividade dos milionários

É claro que quanto maior seu capital, maiores as chances de lucro. Mas isso não quer dizer que você não possa começar investindo pouco e ir aumentando o valor aplicado à medida que se sentir mais seguro e confiante.

As incertezas políticas e as revisões pessimistas para o desempenho da economia em 2018 já foram absorvidas pelo mercado e não são esperadas surpresas negativas. Isso fez com que algumas ações baixassem os valores e houvesse uma maior variedade de produtos.

4. Resgatar leva tempo

mercado financeiro verdades 2

Ao contrário de um investimento em renda fixa, o mercado de ações não tem um prazo de vencimento para seus títulos. Por isso, se você deseja investir em uma empresa é importante que você vise o longo prazo.

Dessa maneira, você diminui os riscos de investir em um momento de queda dos papéis.

5. Você deve saber a diferença entre ação preferencial e ordinária

Quer investir em ações? Você precisa saber qual escolher. No mercado, há dois tipos de ações: as preferenciais e as ordinárias. As ações preferenciais dão prioridade ao investidor quando a empresa distribui os lucros do ano.

Vale mencionar que todas as empresas de capital aberto são obrigadas a distribuir, no mínimo, 25% dos lucros. Enquanto isso, as ações ordinárias dão direito a voto para o investidor em assembleias e reuniões extraordinárias.

6. Você não precisa ter medo

Tem gente que usa a desculpa que tem medo de investir sozinha e perder tudo.

Por isso existem os Fundos de Investimentos: grupos de investidores que se unem para investir em produtos financeiros que individualmente nenhum deles poderia investir, alcançando uma boa rentabilidade!

6. Renda Fixa vale a pena

Em meio a turbulências, a Renda Fixa é a opção segura para investir dinheiro sem correr riscos, dizem os especialistas.

A instabilidade econômica e política fazem com que os investimentos desse tipo tenham valorização frente os de grande risco.

7. Hoje em dia é muito mais fácil investir

As inovações tecnológicas facilitaram o acesso à bolsa, já que agora os investidores têm mais autonomia e agilidade para operar. As ordens são feitas através de plataformas chamadas de Home Broker vinculadas a uma corretora de ações.

Assim, o investidor pode comprar ações online, manter o controle sobre seu capital e realizar lucros do conforto de casa.

8. Seus rendimentos não dependem de sorte

Outra ideia equivocada sobre o mercado de ações é em relação ao modo de se ter lucros. Muita gente ainda acredita que esse universo é subjetivo e que tudo depende apenas da sorte.

Não é bem assim. As boas decisões de compra e venda de ativos são baseadas em estratégia e estatística. Existem mecanismos de análise que permitem identificar tendências do mercado e dão ao investidores chances de fecharem bons negócios.

É claro que não é uma ciência exata, já que essas avaliações estão relacionadas a cenários de probabilidade. Mas com ajuda de indicadores analíticos é possível tomar decisões mais acertadas e minimizar os prejuízos.

9. Você pode comprar e vender mais que ações

Negociar ações é a modalidade mais conhecida da Bolsa de Valores. Mas ela não se limita a isso. Você também pode aplicar em contratos futuros, por exemplo. No Mercado Futuro é possível investir em produtos como petróleo, café e minério de ferro.

Ainda dá para ganhar com a oscilação de moedas, como o dólar e o euro, e de índices como o Ibovespa, que agrega cerca de 60 grandes empresas brasileiras.

10. Você pode se tornar sócio de empresas internacionais

A possibilidade de investir em empresas renomadas como Petrobras, Vale e Ambev é de notório saber mesmo por quem não tem familiaridade com o mercado financeiro. Mas nem todo mundo sabe que também é possível comprar ativos de empresas fora do Brasil.

O S&P 500, abreviação de Standard & Poor’s 500 e também conhecido por “S&P”, trata-se de um índice composto por 500 ativos (ações) cotados nas bolsas de NYSE ou NASDAQ, qualificados devido ao seu tamanho de mercado, sua liquidez e sua representação de grupo industrial. Ele permite que você compre títulos internacionais.

Pronto! Agora você já sabe tudo sobre o mercado financeiro e pode começar a investir sem medo. Mas é claro, sempre tendo a cautela de investir o seu dinheiro de acordo com o seu perfil, visando ao lucro.

Depois de saber dessas verdades, sugerimos que você também conheça os principais erros no mercado financeiro, para não cometê-los. Baixe agora o Ebook Gratuito “Como evitar os 7 Pecados dos Investidores”!

Você também pode gostar

Deixe um comentário