27 de setembro de 2019

Recebeu a restituição? Veja dicas de como usar

Recebeu a restituição? Veja dicas de como usar

A restituição do IR é sempre interessante e esperado por algumas pessoas, e justamente por este motivo é preciso que você saiba o que pode ser feito com este dinheiro.

Pensar no que pode ser feito com a restituição do Imposto de Renda pode ser algo muito importante pois diz respeito a um dinheiro que você pode utilizar para qualquer atividade, mas algumas pessoas não sabem o que pode ser feito com esse retorno.

Por isso, confira dicas de como aproveitar melhor a sua restituição e ter um retorno desse dinheiro utilizando para outras atividades financeiras, obedecendo  suas prioridades.

Recebi a restituição do IR. O que fazer?

Saber o que fazer com a restituição do Imposto de Renda é sempre algo muito complicado, já que muitas vezes é um dinheiro que não se conta, ou que pelo menos você não tem nenhum tipo de expectativa sobre.

É preciso começar a avaliar quais são as possibilidades que você possui de conseguir pensar e avaliar o uso desse dinheiro, seja para fazer render ou mesmo para conseguir pensar em possibilidades com o mesmo.

A seguir, serão trazidas algumas dicas do que pode ser feito e de que maneira você pode obter alguns dos benefícios dessa restituição, tendo sempre uma possibilidade de ganho ou de avanço pessoal.

 Investimentos

Uma das principais formas de uso da restituição do Imposto de Renda é fazer um investimento, principalmente nos de longo prazo, pois trazem um rendimento mais estável e que você pode inclusive já pensar no que pode ser feito.

Quando você pega o dinheiro da restituição e investe, é uma forma de você também conseguir pensar e trabalhar com um dinheiro seu, que pode depois de um tempo retornar valorizado e com rendimentos.

Essa ação pode ser feita sempre que possível e é indicada para pessoas que podem utilizar a restituição para isso. Vale lembrar que qualquer quantia pode servir para essa ação, não precisando ser necessariamente o valor integral.

restituição do IR

Poupança

Outras pessoas preferem colocar o dinheiro da restituição na poupança. Obviamente não é algo que oferece um rendimento, mas não é essa a tentativa, e por isso é escolhida essa alternativa.

Quando se coloca o dinheiro da restituição na poupança a ideia é pensar no próximo ciclo de pagamento, e geralmente é uma forma de não sentir tanto os impactos desse custo, que sempre vem acompanhado de outros.

No início do ano aparecem cobranças de mais variados valores, e quando você guarda esse valor é uma maneira de conseguir diminuir esses impactos, o que também é uma alternativa para utilizar a sua restituição.

Projetos pessoais

Outro uso muito característico da restituição do IR é a aplicação em projetos pessoais. Isso sempre está de acordo com a rotina de cada um ou com o planejamento que cada pessoa tem com relação às suas atividades.

Alguns acham que não deve ser gasto, mas o fato é que quando você se organiza bem, essa restituição pode ser utilizada para conseguir colocar para frente alguns projetos ou até mesmo mantê-los.

Portanto, caso você já tenha se organizado neste sentido é importante que leve em consideração o uso e a aplicação da restituição em possibilidades mais de acordo com o que você precisa no momento.

Cuidados que deve tomar

Receber a restituição do IR e gastar o dinheiro ou aplicar nem sempre é algo muito simples para se decidir, e é justamente por isso que você deve pensar e avaliar muito bem se é o mais indicado para o momento.

Como já foi dito, seja qual for a sua decisão, a mesma precisa ser muito bem pensada e a decisão tomada precisa estar de acordo com o que você pensa, justamente para se avaliar possibilidades de uso mais consciente.

Quando você recebe e não sabe o que pode ser feito é possível que perca o seu dinheiro, não sendo utilizado para nada muito útil, o que também não é algo interessante e pode atrasar algumas tomadas de decisão.

Atenção com os gastos da restituição do IR

Se você não optou por nenhuma das opções é muito importante ficar de olho em como gastar esse dinheiro, já que as contas para a declaração precisam ser feitas para o próximo ciclo.

De qualquer maneira, é também possível que você simplesmente opte por gastar todo o dinheiro, mas quando isso é feito você precisa pelo menos deixar alguma quantia como reserva de emergência.

Isso vai servir para que você não seja pego de surpresa com algum gasto que não foi avaliado e por isso é importante ficar atento a este ponto, levando em conta tudo o que é necessário para conseguir lidar com os custos rotineiros.

Saber o que fazer com o dinheiro da restituição nem sempre é possível, e por isso foram trazidas algumas dicas de como pode ser feito, e você consiga ter o melhor uso possível do seu dinheiro.

Já pensou como irá gastar a restituição do IR? Deixe nos comentários!

CLIQUE AQUI para conhecer o Programa Mente Rica!

Equipe Eduardo Moreira.

Eduardo Moreira

Eleito um dos três melhores economistas do Brasil pela Revista Investidor Institucional, Eduardo Moreira foi apontado pela Universidade da Califórnia como o melhor aluno do Curso de Economia nos últimos 15 anos. Autor de diversos best-sellers, Eduardo foi o primeiro brasileiro a ser condecorado pela rainha Elizabeth II no Castelo de Windsor, em junho de 2012.

Saiba Mais
Deixe um comentário
Você também pode gostar
Mercado de ações para iniciantes
+
Mercado de ações para iniciantes O mercado de ações está se tornando cada vez mais popular para os investidores iniciantes. A B3, bolsa de valores brasileira, atingiu em maio deste ano o pico de ...
23 de setembro de 2020
4 dicas para acompanhar o mercado financeiro
+
4 dicas para acompanhar o mercado financeiro O mercado financeiro pode ser considerado muito complexo e amplo, porém é de extrema importância no dia a dia das pessoas, principalmente para os investidores. ...
21 de setembro de 2020
VÍDEO – Live com Paulo César Ribeiro Lima
+
VÍDEO – Live com Paulo César Ribeiro Lima Paulo César Ribeiro Lima foi funcionário do Banco do Brasil e servidor do Banco Central. Depois de se formar em engenharia, na Universidade Federal de Minas ...
27 de julho de 2020