10 passos para elaborar seu planejamento financeiro 2019

10 passos para elaborar seu planejamento financeiro 2019

É muito normal começarmos o ano fazendo milhares de promessas, principalmente em relação ao planejamento financeiro.

O foco está em manter as contas em dia, controlar os gastos, evitar as dívidas, entre muitas outras coisas. E nada melhor do que já iniciar o ano com todos esses objetivos.

Lembrando que um dos pontos mais importantes é fazer de tudo para sobrar algum dinheiro no final do mês. Assim, poderemos poupar e investir.

Mas se você não sabe muito bem como elaborar seu planejamento financeiro 2019, separamos aqui 10 passos para poder te ajudar nessa trajetória.

Por que é importante elaborar seu planejamento financeiro 2019?

Você já deve estar cansado de saber que para ter uma vida financeira saudável, equacionar todas as dívidas, realizar seus sonhos e ter um futuro mais tranquilo, é fundamental ter um planejamento financeiro.

Muitas pessoas acham que isso é muito complicado, mas não é! Basta você mudar alguns hábitos e ter um pouco de disciplina, que em pouco tempo chega lá.

Veja os 10 passos que preparamos. Analise cada um deles e tente segui-los. No final, você vai ver que realmente valeu a pena todo esforço.

10 Passos para elaborar seu planejamento financeiro 2019

Então, como já falamos, preste bem atenção a cada um dos passos a seguir. Com certeza, vão te ajudar muito a elaborar o seu planejamento financeiro.

1. Registre todos os seus gastos

Você sabe quanto gasta todo mês? E, por um acaso, já comparou isso com as suas receitas? Se a resposta foi negativa, é o momento de começar a fazer.

Na verdade, o ideal é acompanhar diariamente todos os seus gastos, até mesmo aquele cafezinho na padaria.

Para isso, anote todas as suas despesas. Se você preferir, use uma planilha no computador ou baixe algum aplicativo para controle de gastos.

Mas não pode se esquecer de registrar tudo. Só assim você já começa a ter uma noção real para onde está indo o seu dinheiro.

2. Compare os seus gastos com as suas receitas

Você pode fazer um controle semanal, quinzenal ou mensal. A ideia aqui é você saber se está gastando mais do que ganha.

E a partir do momento que percebe que as contas não fecham, vai ter que tomar algumas atitudes para reverter essa situação.

3. Só compre realmente o necessário

Uma das coisas que mais descontrolam um orçamento são as compras por impulso. Muitas vezes, compramos itens totalmente desnecessários e isso tem um impacto direto na sua vida financeira.

Não caia na tentação só porque viu um produto em promoção. Será que você precisa?

4. Analise as suas contas domésticas

Talvez você esteja gastando muito com a luz, gás ou TV por assinatura. É a hora de dar uma revisada em todas elas.

Veja algumas dicas em como você pode economizar nessas contas:

  • Junte uma quantidade de roupa suficiente para ligar a máquina de lavar ou o ferro de passar;
  • Coloque o chuveiro elétrico na posição verão;
  • Não demore muito no banho;
  • Troque as lâmpadas por LED;
  • Quando for cozinhar, faça uma maior quantidade de comida;
  • Você assiste todos os canais do seu pacote de TV por assinatura?
  • Pesquise por planos de celular mais baratos.

Essas são apenas algumas dicas. Mas saiba que podem fazer diferença no fim do mês.

Planejamento financeiro 2019

5. Cuidado com o cartão de crédito

O cartão de crédito pode ser sim seu aliado, desde que usado com responsabilidade. Você sabia que a maior causa de endividamento dos brasileiros é o cartão de crédito?

As pessoas vão comprando sem pensar muito e quando chega a fatura, não tem como pagar. E aí fica uma bola de neve, onde os juros são exorbitantes.

Por isso, só use o cartão de crédito se você tem certeza que vai poder arcar com o pagamento. Caso contrário, é melhor deixá-lo em casa e só usar o cartão de débito.

E uma outra coisa: não caia nas armadilhas das compras parceladas. Por mais que as parcelas sejam pequenas, na hora de juntar todas, sua fatura fica impagável.

6. Quite as suas dívidas

Se você já começou o ano trazendo dívidas do ano anterior, você deve procurar quitá-las.

Converse com o gerente do seu banco ou com os credores. Tente um desconto ou uma renegociação, de forma que você possa pagar.

Muitas pessoas têm recorrido ao empréstimo pessoal para quitar dívidas, principalmente com cartão e cheque especial. Mas isso só vale a pena se os juros do empréstimo forem menores dos que você está pagando.

7. Estabeleça metas

Para se alcançar qualquer objetivo na sua vida, é fundamental estabelecer metas. E a partir do momento que tem as metas bem claras, você não vai medir esforços para alcançá-las.

Os especialistas recomendam que essas metas devem começar por metas fáceis, de curto prazo, e à medida que você for conquistando, vai elaborando outras, a médio e longo prazo.

8. Viva de acordo com o seu orçamento

Um dos maus hábitos dos brasileiros é viver o presente, sem se preocuparem muito com o futuro. Acabam gastando mais do que têm e quando se dão conta, perderam totalmente o controle de suas finanças.

O consumismo e o hábito de viver de aparência são os grandes responsáveis por isso. Tenha sempre em mente de viver de acordo com o seu orçamento e tentar não extrapolar.

9. Faça uma reserva financeira

Quando falamos em reserva financeira, é para você ter um pouco mais de segurança no seu futuro.

O ideal é reservar uma parte do seu salário e poupar. Você já reavaliou todas as suas contas, cortou o que é necessário, e agora, é a hora de economizar.

Tente poupar o máximo que você puder, mas desde que suas contas estejam em dia e suas dívidas equacionadas. Não adianta separar uma parte do dinheiro e continuar devendo no cartão de crédito.

10. Invista o seu dinheiro

Nada de deixar o dinheiro parado. Pense que o dinheiro tem que trabalhar para você, ou seja, você deve procurar por um investimento que tenha um bom rendimento.

Hoje, existem muitas opções. E até com pouco dinheiro, já se pode investir. Só um exemplo: o Tesouro Direto, que são títulos públicos, a partir de R$ 30,00, você já pode fazer um investimento.

Faça uma pesquisa e encontre um investimento que mais tenha a ver com o seu perfil

Se você percebeu, não é tão difícil assim elaborar um planejamento financeiro 2019. Basta ter um pouco de disciplina, persistência e foco.

E no final, você vai ver que valeu a pena! Veja cada uma das nossas dicas e comece hoje mesmo.

O que está faltando para você começar o seu planejamento financeiro 2019?

CLIQUE AQUI para conhecer o Sistema 3C da Construção de Riqueza!

Você também pode gostar

Deixe um comentário