Como fazer o VR durar até o fim do mês?

Como fazer o VR durar até o fim do mês?

Uma pesquisa realizada pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) comprovou que 52% dos brasileiros extrapolam o valor mensal do vale refeição. Mas como fazer o VR durar até o fim do mês?

O Vale refeição é um benefício que pode acrescentar em muito na renda mensal, dependendo de como ele é usado. O trabalhador pode se alimentar desde restaurante até em redes de fast foods. Mas é necessário controlar seu uso para fazê-lo durar os dias necessários.

Não importa qual o valor que você recebe no vale refeição, sempre é possível fazê-lo chegar ao fim do mês. Muito mais importante do que o valor recebido, é a sua administração do VR.

Dicas: como fazer o VR durar até o fim do mês

Faça as contas

Veja quantos dias você vai trabalhar no mês e divida o saldo total do vale refeição por esses dias. Assim vai saber exatamente quanto pode gastar em cada refeição. Inclusive para saber quando exagerou em um dia e precisa economizar no seguinte.

Vale refeição é parte do seu orçamento

Muita gente trata o cartão vale-refeição como sendo um extra, mas na verdade esse benefício traz um valor que deve ser somado ao seu orçamento mensal. Isso quer dizer que você precisa controlar e planejar o seu uso, da mesma forma que faz com seu salário. Quanto mais organizado for, mais o saldo do seu vale refeição vai render.

Fique de olho no saldo do seu vale refeição

Assim você pode saber se está dentro do seu limite diário ou se extrapolou e precisa reduzir. Se o seu vale refeição for o Sodexo, este possui o aplicativo que permite acesso fácil ao seu saldo e extrato pelo celular, onde você tiver. É simples e rápido.

Pesquisa de preço

Sempre tem aquele restaurante mais perto do trabalho que todos acabam escolhendo pela comodidade. Mas fazer um esforço e circular pelo bairro comparando preços pode compensar bastante.

Cuidado com o prato no quilo

Já reparou como os pratos nos restaurantes por quilo são grandes? Isso não é acidente, não. Se cabe mais comida, maior a chance de você encher e acabar pagando por algo que não vai conseguir comer.

Nada de bebida

Faça as contas: se o refrigerante custa R$ 5 reais e você tem R$ 25 por dia para consumir com o seu Vale Refeição, vai ter 20% a menos para gastar com comida. Isso quer dizer 5 dias a menos com o cartão benefício no fim do mês.

Tenha Snacks na sua mesa

Você é do tipo que precisa comer um docinho depois do almoço ou um salgado no meio da tarde? Tudo bem, mas saiba que esses itens são muito mais caros se deixar para comprar no caixa do restaurante ou na lanchonete. É muito melhor se antecipar e comprar no supermercado, em uma quantidade maior, para pagar menos.

Faça lanchinhos

O raciocínio é simples: se você ficar muitas horas sem comer, quando sair para o almoço vai estar esfomeado. E daí vai pegar ou pedir muito mais comida do que o normal e gastar mais.

Aproveite promoções

Muitos restaurantes têm promoções com pratos mais baratos em certos dias da semana ou descontos. Fique de olho e aproveite!

Como fazer o VR durar até o fim do mês?

Programa de fidelidade

Programas de fidelidade não são exclusivos para companhias aéreas. Vários restaurantes costumam premiar, seja com sobremesas ou refeições grátis, seus clientes fiéis, mesmo que eles paguem com vale refeição. Mas antes de “aderir” a uma fidelidade, veja se ela realmente compensa, colocando na balança o quanto você gasta com o consumo e o valor da recompensa.

Dica Extra: Evite usar o vale-refeição nos finais de semana

Usar o vale-refeição nos finais de semana também nos prejudica e muito  na hora de fazê-lo durar o mês todo. Apesar do intuito principal ser economizar o próprio salário, gastar o benefício nos finais de semana pode acabar te dando um prejuízo ainda maior. Por isso, evite gastá-lo nos dias em que você não trabalha, para conseguir se alimentar o máximo possível durante todo o mês.

Quer economizar ainda mais? Aposte na marmita

Outra alternativa para fazer com que o seu vale-refeição dure mais é levar marmita principalmente se você tem vale-alimentação. Eleja um dia da semana ou mescle as refeições, o importante é balancear ainda mais se você costuma gastar mais que o limite diário.

Deste modo, você economiza e ainda acumula um valor legal para fazer uma refeição diferenciada na sexta-feira, por exemplo. Tente adaptar os seus gastos conforme as nossas dicas e depois é só fazer a conta. Economizar vai ficar muito mais fácil!

Que tal colocar em prática já na próxima recarga do seu benefício alimentar as dicas? Conte para nós se deu certo!

CLIQUE AQUI para conhecer o Programa Mente Rica!

Equipe Eduardo Moreira

Você também pode gostar

Deixe um comentário