Qual seu perfil de investidor?

Qual seu perfil de investidor?

Antes de começar qualquer investimento, é preciso definir qual seu perfil de investidor. Mas por quê? Porque a partir daí vai ser possível escolher qual é o melhor investimento que se adapte com suas características.

Muitas pessoas têm receio de arriscar e preferem seguir os investimentos mais conservadores, mas outras não têm medo e são muito mais arrojadas. Qual é o seu?

Aprenda aqui porque isso é importante e como tem relação direta com o investimento. Basta nos acompanhar que vai ficar tudo bem mais claro.

O que é perfil de investidor

Como o próprio nome diz, o perfil de investidor pode ser definido por todas aquelas características financeiras que a pessoa possui. Após uma análise delas, com os objetos que se quer alcançar, é traçado um perfil.

Com base nisso, vai ser possível selecionar qual investimento é mais adequado.

Vale lembrar também, que é considerado se você é uma pessoa que gosta ou não de enfrentar desafios e correr determinados riscos.

Sempre antes de entrar nesse mercado financeiro, é importantíssimo que esse perfil esteja muito bem estabelecido.

Por que é importante saber o seu perfil de investidor

É importante para direcionar para os investimentos corretos, além de ajudar a fazer as melhores escolhas. Isso também diminui consideravelmente as suas chances de perder dinheiro.

Acontece que, por exemplo, no mercado de ações, geralmente os rendimentos são a longo prazo. Se você não tiver esse perfil de investidor ou desconhece como tudo funciona, pode ter sérias perdas financeiras.

É muito importante ter seus objetivos muito bem definidos, onde todas as decisões tomadas estarão voltadas para se alcançar esses objetivos. Você só pode ter essa ideia se souber qual é o seu perfil de investidor.

Como é feito esse perfil

É basicamente um questionário que você preenche e através das informações fornecidas, se consegue determinar se você é mais conservador, mais ou menos experiente e outras coisas.

Geralmente, quando entramos no mercado financeiro, escolhemos uma corretora de valores ou um banco. E a primeira coisa a ser feita é exatamente esse questionário.

A partir daí você vai ser direcionado aos investimentos que mais atendam aos seus objetivos. Essa análise é chamada de API – Análise de Perfil do investidor -, onde você registra, por exemplo, idade, renda mensal, tolerância ao risco, objetivos, experiência no mercado financeiro, etc.

Só para você saber, desde 2015, a aplicação do questionário passou a ser obrigatória para todas as instituições financeiras.

Qual seu perfil de investidor?

Quais são os tipos de perfil de investidor

Conheça os principais tipos de perfil de investidor e veja em qual deles se encaixa:

Conservador

Esse tipo é aquele que não gosta de correr qualquer risco financeiro, procurando por investimentos mais convencionais, como a caderneta de poupança.

Além disso, possui pouco conhecimento sobre produtos e derivativos. O mais importante aqui é que o ponto principal é a segurança, onde a maior parte de sua carteira de investimentos está em produtos de baixo risco.

Nesse caso estão incluídos investimentos como Tesouro Direto, CDB, LCI/LCA e outros, que possuem a garantia do FGC – Fundo Garantidor de Crédito.

Moderado

Na verdade, é um meio-termo porque, enquanto prioriza segurança, concorda em investir em produtos com um pouco mais de risco, de forma a obter melhores rendimentos a médio e longo prazo.

Por isso, que uma das estratégias aplicadas para esse perfil é a diversificação.

Uma ideia é investir uma parte em investimentos mais seguros e o restante aplicar em algo que vai fornecer uma maior rentabilidade, como os fundos multimercado.

Arrojado ou agressivo

São aqueles cujos objetivos são ganhos a longo prazo, logo, toleram correr maiores riscos. Mas é recomendado, para proteger seu patrimônio, deixar uma parte investida em produtos de baixo risco.

Possuem uma vasta experiência no mercado financeiro e é justamente por isso que assume maiores riscos, além de não precisar uma liquidez imediata.

Por isso que investem em fundos multimercado, fundos de ações ou alguma aplicação em renda variável.

As corretoras de valores e bancos, geralmente, utilizam essas nomeações acima para definir o perfil de investidor, podendo variar apenas o nome de uma para outra.

Entenda seu perfil

Quando pensamos em entrar nesse mercado financeiro, o primeiro passo é compreender qual é o seu perfil de investidor, pois vai lhe ajudar a planejar melhor e escolher a melhor opção de investimento.

Esse mercado é cheio de armadilhas e quem não o conhece pode acabar cometendo uma série de erros e com isso, perder muito dinheiro.

Por isso que é fundamental saber exatamente o que fazer, em que investir e assim, alcançar todos os seus objetivos.

E aí, você já entendeu o seu perfil de investidor? Conte para nós!

CLIQUE AQUI para baixar o Ebook Gratuito “Como evitar os 7 Pecados dos Investidores”!

Equipe Eduardo Moreira

Você também pode gostar

Deixe um comentário