Preço do aluguel de imóveis em alta: como negociar?

Preço do aluguel de imóveis em alta: como negociar?

Com o preço do aluguel em alta, a maioria dos inquilinos chega a ficar apavorada quando se aproxima a data do reajuste. Será que terão como pagar?

E isso também vale se você está pensando em alugar um imóvel. Dependendo da sua localização, a tendência é os preços serem bem mais altos e provavelmente não vai caber no seu orçamento.

Então, seja no momento da renovação do seu contrato ou na hora de assinar um contrato novo de locação, saiba que é justamente nessa hora que você pode negociar.

Por isso, separamos aqui algumas dicas para te ajudar no que deve fazer para conseguir um valor que não comprometa o seu orçamento.

Será que vale a pena negociar ou procurar um outro imóvel?

Essa é uma das principais dúvidas dos inquilinos quando há uma alta no preço do aluguel, mas o que temos visto que o primeiro passo sim é tentar reduzir o valor.

Antes de te mostrar como negociar, a primeira coisa a ser feita é você ter uma ideia clara de quanto é o seu orçamento mensal, ou seja, quanto poderá destinar ao aluguel?

Na verdade, o ideal é montar um planejamento financeiro, registrando todas as suas despesas e depois comparando-as com as suas receitas.

O aluguel faz parte das suas despesas fixas e segundo especialistas, não deve ultrapassar 50% da sua renda líquida.

Então, faça as contas e se perceber que depois do reajuste o valor ficar impraticável, o melhor é buscar por um aluguel mais em conta. E o mesmo cálculo deve ser feito se está alugando um imóvel pela primeira vez.

Vale lembrar também que junto com o aluguel, você tem IPTU, condomínio e todas as outras contas. Por isso que é fundamental colocar tudo no papel.

E na hora de você avaliar se vale a pena procurar um outro imóvel, preste atenção aos seguintes pontos:

  • Gastos com mudança
  • Alguns ajustes no imóvel
  • Avaliar a distância para o trabalho ou escola dos filhos
  • Valor do IPTU e condomínio

De repente, esse novo imóvel pode ficar mais longe do seu trabalho e aí seus gastos com transporte vão aumentar.

Como é feito o reajuste dos alugueis?

O reajuste dos alugueis toma como base o Índice Geral de Preços – Mercado (IGP-M), o qual teve uma alta de 8,24%.

Por via de regra, os contratos são reajustados a cada doze meses, mas se o proprietário desejar ele pode não aplicar esse valor ou cobrar menos.

E é o que temos visto muito, pois o que o dono do imóvel pensa? É melhor ficar com o imóvel alugado, continuar recebendo, do que colocar novamente no mercado e enquanto isso ter que arcar com todos os custos.

Ainda mais, está cada vez mais difícil encontrar bons inquilinos. Então vale a pena reduzir o valor e ter a segurança do recebimento.

Lembre-se: leia atentamente o contrato, observando o prazo, as condições de reajuste, se é exigida alguma garantia, como funciona a vistoria, etc. E só assine depois que tirar todas as suas dúvidas.

Preço do aluguel de imóveis em alta: como negociar?

Dicas de como negociar o preço do aluguel

Vamos imaginar que você já elaborou o seu planejamento financeiro e sabe exatamente até quanto vai poder gastar com o aluguel, certo?

Mesmo assim, separamos aqui algumas dicas para te ajudar a negociar o preço do aluguel, tanto com as imobiliárias ou com o próprio proprietário.

1. Pesquise por imóveis no mesmo bairro

O ideal é você dedicar um tempo e fazer uma pesquisa em relação aos valores dos aluguéis praticados no seu bairro.

Mas tem que pegar como referência imóveis do mesmo tamanho, um condomínio que ofereça uma estrutura semelhante, etc.

Uma ideia também é pesquisar em sites da internet. Assim, você já tem algum argumento no momento de negociar.

2. Mostre que é um bom inquilino

Um dos grandes problemas hoje é a inadimplência e se você paga seu aluguel em dia, conserva o imóvel, por que não falar isso no momento da negociação?

É muito melhor o proprietário ter a garantia de que vai receber o aluguel do que ele aumentar o valor e correr o risco de ficar ou com o imóvel fechado por meses ou o novo inquilino não pagar.

Além disso, caso pretenda fazer alguma reforma no imóvel e assim vai se valorizar, fale isso na hora de negociar. E nesse caso, abateria do valor do aluguel.

3. Fale sempre a verdade

Se já aluga aquele imóvel há muito tempo, mas está passando por dificuldades financeiras, seja honesto e fale sempre a verdade.

O proprietário precisa ficar ciente do que está acontecendo e se você sempre foi um bom pagador, é possível que ele considere a redução do valor.

Ou também caso você tenha uma previsão de receber um aumento mais pra frente, negocie para adiar, pelo menos, uma parte do reajuste.

Conclusão

Você viu que tem sim como negociar o preço do aluguel, seja no momento da renovação ou contratação.

E hoje a maioria dos proprietários nem têm cobrado os reajustes de acordo com o que está no contrato, pois perceberam que é muito melhor continuar com aquele aluguel todos os meses do que ficar com o imóvel fechado e pior, arcando com todas as despesas.

Então, faça uma pesquisa na região, mostre que você é um bom pagador e com certeza, vai conseguir uma redução no valor do aluguel.

Qual foi o preço do aluguel de imóveis mais alto que se deparou na procura por um novo lar? Comente!

CLIQUE AQUI para conhecer o Programa Mente Rica!

Você também pode gostar

Deixe um comentário